//
você está lendo...
Economia

Maus brasileiros

O governo estimava que 150 bilhões de dólares (mais de meio trilhão de reais, ou 25% do PIB nacional) foram desviados ilicitamente por brasileiros para o exterior.  É uma das maiores sangrias financeiras que um país já sofreu em todo mundo em qualquer tempo.

A previsão não se cumpriu porque muita gente não se sentiu segura do menor custo pela declaração do dinheiro ilícito ou sobre o risco de não sofrer alguma iniciativa regressiva pela confissão do delito praticado. Agora o que se discute é o que fazer, findo o prazo dado para a repatriação do dinheiro, estimular os fraudadores a se apresentar e reintroduzir os recursos no país.

Não sou técnico para dar um parecer adequado. Como cidadão, entretanto, vejo um caminho saudável: ir atrás do dinheiro, aproveitando a cooperação internacional que se estabeleceu por impulso da nação mais poderosa do planeta, os Estados Unidos, interessado em cortar o fluxo de dinheiro do terrorismo e do narcotráfico internacional.

E abrir processo na justiça e, ao final, colocar na cadeia esses brasileiros que agem como predadores da nação.

Discussão

5 comentários sobre “Maus brasileiros

  1. Isso seria o mínimo que um pais civillizado faria. Se o dinheiro foi desviado ilicitamente, com certeza ele é produto de atividades ilicitas também. Do ponto de vista macroeconômico, esse valor representa a estimativa mais baixa do tamanho da economia criminosa que controla o país. Possivelmente, esse valor cresceu tanto graças aos juros subsidiados do BNDES. A nós resta somente a conta a pagar.

    Curtir

    Publicado por Jose Silva | 12 de dezembro de 2016, 11:54
  2. Se o furto fosse cometido por algum ladrão “pé rapado” e este descoberto, o mesmo seria preso (para não dizer esfolado vivo) e a vítima teria seus bens devolvidos. Por que o mesmo não ocorre aos ladrões de colarinho branco, que são infinitamente mais nefastos que outros?

    Curtir

    Publicado por Luiz Mário de Melo e Silva | 12 de dezembro de 2016, 11:59
  3. Nada ainda sobre a delação da Odebrecht ??não precisa ter vergonha nobre blogueiro, você não tem culpa. Sua culpa se restringe ao apoio dado a eles para que estejam no Poder! tramando em, como bem disse Machado: ‘um pacto nacional, com STF, com todo mundo..”

    Curtir

    Publicado por sidney | 12 de dezembro de 2016, 14:10
    • Um dos meus patrimônios é nunca ter tido vergonha do que fiz, mesmo quando errei.
      Prove o que diz. Qual foi o apoio que dei?
      A esta altura da imensa crise nacional, vamos ser decentes e dignos do momento que o país atravessa acabando com essas teorias conspirativas. Provas, nomes aos bois, punição aos bandidos (seja qual for seu matiz) e um caminho para tirar o Brasil da lama.

      Curtir

      Publicado por Lúcio Flávio Pinto | 12 de dezembro de 2016, 14:51
  4. É bom que se diga logo que esses brasileiros não são os professores , os escritores, os educadores, os estudantes, os camponeses , os ribeirinhos, os quilombolas, os pescadores, as trabalhadoras do campo e da cidade , os trabalhadores sem teto, os trabalhadores sem terra , os assalariados do comercio , serviços e industrias , os jovens sem trabalho , e etc…etc…É bom atentarmos para a informação de quem são , o que fazem e quanto ganham esses brasileiros, e também o gênero , muito importante este dado no atual contexto politico do Brasil e da América Latina. Separar o joio do trigo é um ato pedagógico, educativo . Esses são os que sofrem os efeitos das sangrias financeiras e da brutal concentração de renda no pais ( razão pela qual uma minoria tem dinheiro de sobra para acumular em ” cofres” estrangeiros licita ou ilicitamente )

    Curtir

    Publicado por Marly Silva | 13 de dezembro de 2016, 17:22

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: