//
você está lendo...
Economia, Minério, Multinacionais

Muda cúpula da Vale

O jornalista Lauro Jardim, colunista de O Globo, anunciou e a imprensa toda o ecoou neste domingo como se fosse grande novidade: os acionistas da Vale decidiram extinguir a Valepar, holding que controla a empresa, maior produtora de ferro nos últimos 20 anos.

A decisão, tomada durante as negociações para renovar o acordo de acionistas, permitirá que cada um sócio controle diretamente suas ações na Vale e decida individualmente seus votos.

Jardim, entretanto, não informou quando a dissolução da Valepar irá acontecer, mas que os sócios devem anunciá-la no próximo mês. O atual acordo entre os acionista expira em abril.

Os sócios na Valepar são os fundos de pensão Previ (do Banco do Brasil) e Fucef (da Caixa), o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social, diretamente e através do BNDESpar, a Bradespar (do Bradesco) e a japonesa. Também fazem parte da holding os fundos Petros Fundação, Funcef e o fundo privado Fundação Cesp.

A Reuters, que reproduziu a informação, aproveitou para lembrar que em 19 de janeiro noticiou que membros da Valepar negociavam para extinguir o bloco ao longo de um período de seis anos, quando a Vale se tornaria uma empresa com propriedade diluída.

Com a Valepar deixando de atuar como um bloco, Bradespar e Previ acreditam que a empresa será mais atrativa para novos investidores, “pessoas familiares com o tema” falaram à Reuters.

Previ e Bradespar não puderam comentar imediatamente as informações publicadas por O Globo. Os porta-vozes do BNDES e do fundo Petros não retornaram as ligações da agência inglesa, que não conseguiu encontrar representantes da Mitsui para comentar o assunto, capa da edição do Jornal Pessoal que está nas bancas.

Discussão

Um comentário sobre “Muda cúpula da Vale

  1. Pois é. Você furou a grande imprensa nacional. Apesar de todas essas mudanças, a Vale continua sendo comandada pelo governo. E ainda tem gente que acha que a empresa foi privatizada..So no capitalismo brasileiro mesmo, onde o público e o privado se misturam como nunca na história desse planeta.

    Curtir

    Publicado por José Silva | 19 de fevereiro de 2017, 21:51

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: