//
você está lendo...
Imprensa, Justiça, Política

Quem é o homônimo?

A assessoria do ministro da Integração Nacional, repetindo as informações que enviara no sábado passado ao site Poder360, manda uma nota para desmentir que o lobista Jorge Luiz tenha ido ao casamento de Helder Barbalho.

Sustenta que quem lá estava era um homônimo do cidadão acusado de fazer lobby dentro da Petrobrás ao longo dos últimos 30 anos, acabando por ser preso pela Polícia Federal no 38º desdobramento da Operação Lava-Jato.

A novela se encerraria se a diligente assessoria apresentasse aquele que não é o homônimo, mas o primo da noiva. Porque até agora só se soube da presença de Jorge Luz, o lobista, que teria recebido dinheiro da propina de empreiteiras da Petrobrás para entregar a políticos do PMDB, inclusive o senador Jader Barbalho, embora o pai do ministro continue a declarar que só uma vez se encontrou com o “não-homônimo”, em 1983.

Para que se encerrem as especulações, pai e filho, ao invés de simplesmente declarar que nada têm a ver com o Jorge Luz encarcerado, deviam apresentar o outro Jorge Luz. Profissionais sinceramente empenhados na busca pela verdade até agora só chegaram a um personagem, aquele que agora vai dizer ao juiz Sérgio Moro tudo que sabe, não mais apenas o que queria dizer.

Em homenagem ao princípio da pluralidade, reproduz-se literalmente a nota do ministério da Integração Nacional, não assinada pelo ministro – nem por ninguém.

Com relação ao texto “Jorge Luz no casamento de Helder” publicado na edição desta quinta (25), informamos que o conteúdo está incorreto. Jorge Luz que é um homônimo. A fonte original da noticia foi um post do site Poder360, veiculado no dia 25 de fevereiro.

Ao tomarmos conhecimento da publicação entramos em contato com a redação do site Poder360 e explicamos que a informação não era verdadeira. O post se referia a um Jorge Luz que é um homônimo do Jorge Luz preso por envolvimento na operação na Lava Jato.

O próprio site Poder 360 reconheceu o erro, retirou o post original do ar e, imediatamente, veiculou uma errata. Mais: o responsável pelo site, o jornalista Fernando Rodrigues reconheceu o erro e pediu desculpas.

Abaixo enviamos os referidos posts:

  1. Post original de Fernando Rodrigues no Twitter

Discussão

Um comentário sobre “Quem é o homônimo?

  1. Estão escondendo o jogo. Esta nota da assessoria poderia ser lida da seguinte forma: alguém convidei o Jorge Luz para o meu casamento, não sei quem fui.

    Curtir

    Publicado por Jose Silva | 2 de março de 2017, 20:01

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: