//
você está lendo...
Justiça, Política

Eleição direta, já

A gravação que Joesley Batista fez da conversa que teve com Miguel Temer, no dia 7 de março, é a exata reprodução do diálogo que ambos travaram? Ou foi um flagrante forjado, com o propósito de livrar o dono da JBS da prisão iminente, sustentada nos favorecimentos que obteve no BNDES?

Uma semana ou duas depois de ser recebido para uma conversa privada no palácio Jaburu, residência do vice-presidente onde Temer preferiu ficar quando substituiu Dilma Rousseff, Joelsey levou a gravação e outras provas para negociar a delação premiada. E a partir daí se ajustou ao esquema da ação controlada da Polícia Federal, preparando provas para usar depois, optando por não caracterizar o flagrante em função de expectativa de criar mais provas.

Michel Temer se prepara para fazer um pronunciamento à nação, o que ele devia ter feito já ontem. Saberemos dos argumentos que ele tem para descaracterizar seu papel nefando, se são sólidos ou não. O melhor seria que sua manifestação fosse antecedida pela divulgação do inteiro teor das gravações para uma confrontação.

Independentemente desses procedimentos, porém, o melhor caminho para fazer o Brasil retomar o caminho da normalidade, livrando-se de toda essa sujeira e tentando uma reforma profunda, seria um acordo amplo para votar o mais rapidamente possível uma emenda constitucional convocando eleições diretas antecipadas para a presidência da república, independentemente da definição sobre Temer.

O Brasil poderia ter o direito de decidir se quer mudar de verdade.

Discussão

10 comentários sobre “Eleição direta, já

  1. Temer devia renunciar. Terá coragem? Destruída toda uma carreira política? Deve ser preso e responder pelos delitos no maior cargo da República.

    Curtir

    Publicado por Edyr Augusto | 18 de maio de 2017, 11:49
  2. Custa tanto assim seguir a constituição?!

    Curtir

    Publicado por Fulano da Silva | 18 de maio de 2017, 13:01
    • A constituição não tem a solução para um problema de conjuntura: tem legitimidade e credibilidade o atual congresso para eleger o novo presidente da república? A regra em vigor é clara, mas a letra fria da lei se choca com a realidade. A emenda constitucional para antecipar a eleição direta é um mecanismo legítimo e legal, ajustado aos tempos atuais.

      Curtir

      Publicado por Lúcio Flávio Pinto | 18 de maio de 2017, 14:23
      • Se a regra é clara, deve se cumprir. Apesar do atual do congresso não ser dos melhores mas todos foram “eleitos”. Esses “jeitinhos” para se adequar a conjuntura é a raiz do mal dos brasileiros. Temos que virar um país sério.

        Curtir

        Publicado por Fulano da Silva | 18 de maio de 2017, 17:19
      • Emenda constitucional não é “jeitinho”. Tem votação dupla nas duas casas do congresso. Só pode ser aprovada por maioria absoluta. É preciso muita união. Daí ser uma utopia. Necessária, porém, de ser lembrada e tentada. O projeto, de Miro Teixeira, já tramita desde antes desta última crise.

        Curtir

        Publicado por Lúcio Flávio Pinto | 18 de maio de 2017, 17:38
  3. Nas últimas horas há um clima de intensa histeria com essa estória dos irmãos Batista. Surgem, como sempre, os oportunistas de plantão, todos querendo aparecer. Não espanta se até o final da semana chegar a 50 o número os pedidos de impeachment de Temer. O PPS diz que abandona o governo; o PSDB, ameaça. A oposição exige renúncia imediata! Hipocrisia temperada com imensa irresponsabilidade, até ontem parte esse pessoal estava se lambuzando no óleo da Petrobras, aliás, não só lá. Nos últimos anos, em qualquer escaninho do governo, pelo que agora é revelado, o poder devastador da corrupção alastrou-se em velocidade superior a da gripe espanhola de 1918. A despeito disso, o Lula posa de “injustiçado” e a Dilma, bem – essa não conta. Para essa gente o Código Penal era a Disney dos deslumbrados. .. O governo Fernando Henrique também não foi nenhum exemplo de probidade sueca. Houve a bandalheira criminosa das privatizações, a compra da reeleição e outras patifarias. Ele posa de vestal e finge que de nada sabia. Pois bem, com tudo isso, ninguém pediu, na vera, o impedimento de um ou de outro. A Dilma caiu apenas por excesso de burrice, não pelos crimes.
    O Michel Temer com suas mesóclises e meneios de bailarina espanhola é, salta aos olhos, um sujeito medíocre, melífluo, dissimulado. Disfarça esses predicados sob a aura de homem educado e suposta gravidade. É, como disse Fernando Henrique, a pinguela que nós temos. Qual é mesmo o seu crime? Soube que estavam pagando “ mesada “ para o Eduardo Cunha manter silêncio é isso? Mas o Lula não mandou comprar o silêncio do Serveró? O FHC não tinha o seu engavetador geral da República? Não inviabilizou todas as CPI’s no Congresso? O fato é que nesse bordel não tem São Jorge.
    Não estou desculpando nem absolvendo Michel, de quem não compro nem carro usado nem seu “Elementos de Direito Constitucional”, mas parece pouco “crime” para tamanho alarido.
    É necessário menos paixão e mais responsabilidade…. Eleições diretas já! O quê ????? vamos eleger Bolsonaro ? Trazer o Lula de volta?
    O Ivan Lessa dizia que o brasileiro esquece os últimos 15 anos; conversa: esquece o ano anterior. É isso? Os afoitos vão embarcar nesse jogo para trazer o chefe, o grande chefe, o nine de volta? Me poupem. Se o Temer não resistir que se faça eleição como previsto na Constituição, que se deflagre um movimento para o Congresso eleger alguém estranho ao mundo político para este momento de transição, um ministro aposentado do STF, nada de Joaquim Barbosa, Jobim (livrai-nos) mas Ayres de Brito, Peluso, por exemplo. Serenidade, pois.
    Precisamos acabar com a péssima mania de ficar alterando a Constituição ao invés de segui-la.

    Curtir

    Publicado por ALCIDES | 18 de maio de 2017, 19:44
  4. O maior medo de muitos dos ‘brancos de olhos azuis’ é ir para cadeia e perder a liberdade e o conforto. Joesley colocou o seu nome como um dos grandes empresários, já se tornou JBS uma das maiores empresas do Brasil, e que cresce até mesmo na crise. O que fez já foi feito, águas passadas. Agora é só falar dos caras que se beneficiaram. Ele não, é mais um empresario que tentou sobreviver. Delatou a galera, armou arapuca com a policia e pegou o maior peixe. Negociou a liberdade. Talvez fique com um tornozeleira. Mas como diz Gabeira. Pra quem se livrou da cadeia, a tornozeleira se torna apenas mais um incomodo.
    Já a Temer, cai na internet que estaria trocando a reforma da previdência pelas dos presídios. Ainda que duvide algum deles ir pra cadeia.
    Se bem que até Cabral foi pra lá. Cabral por falar no cujo, já é citado novamente também tendo recebido dinheiro. Do Oiapoque ao Chuí, Cabral parece ter se encoberto na corrupção do Brasil, desta vez quem descobriu foi a policia.
    Brincadeiras a parte, a situação não está fácil.

    Curtir

    Publicado por Fabrício | 19 de maio de 2017, 00:50
  5. Emendas Constitucionais de fato são um mecanismo legítimo e legal mas feita pelo esse congresso é melhor nem fazer e nessa atual conjuntura é capaz de ficar pior que está. Entre simplesmente obedecer a constituição e ficar alterando, prefiro obedecer. Enfim, entendo seu ponto mas não concordo.

    Curtir

    Publicado por Fulano da Silva | 19 de maio de 2017, 12:20

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: