//
você está lendo...
Cultura

Paloma: um nome nacional

A escritora paraense Paloma Franca Amorim, há muitos anos radicada em São Paulo, entrou de vez para a literatura nacional. Não só por participar da Flip, a feira de literatura de Paraty, no Rio de Janeiro, mas por receber uma avaliação entusiasta de Ana Maria Gonçalves, que escreveu um dos livros mais surpreendentes e sólidos das letras nacionais, Um defeito de cor.

Ela ressaltou a qualidade do primeiro livro de Paloma, Eu preferia ter perdido um olho, reunião de contos e crônicas, lançado recentemente (em Belém, será em setembro). Além da linguagem poética, a escritora mineira diz que Paloma consegue, com pouquíssimas palavras, construir personagens verdadeiros e profundos, algo ainda mais raro em contos.

Discussão

5 comentários sobre “Paloma: um nome nacional

  1. Obrigada Lúcio.
    Foi tudo muito inacreditável, lindo. Ao mesmo tempo, sempre lamento que nossos autores não sejam reconhecidos fora do nosso circuito, por isso me sinto responsável em nos representar – talvez não esteticamente, mas politicamente.
    Enfim, muitas coisas… Esse ano Paraty estava mais diversa, mas ainda assim é uma festa para poucos, bastante fechada… Isso me angustia como escritora, porque penso justamente o contrário, penso que a experiência literária deve ser sempre o mais democrática possível.
    Muitas coisas…
    Obrigada,
    Abraços.

    Curtir

    Publicado por Paloma Franca Amorim | 31 de julho de 2017, 07:39
    • Não se angustie pelo fato, Paloma, que é universal. Use outras formas de expressão e participação também, mais abertas ao público. Mário Faustino dizia que o artista não pode adapatar a sua criação ao gosto mais geral ou a qualquer condicionante da sua expressão livre. Mas se tem consciência do que faz, deve agir paralelamente para formar público para a cultura, mesmo a mais vanguardista. Lugar de artista também é nas ruas. E isso você está fazendo.

      Curtir

      Publicado por Lúcio Flávio Pinto | 31 de julho de 2017, 09:14
  2. Que maravilha. Paloma, tudo de bom para você. Espero encontrar o seu livro como ebook na Amazon.

    Curtir

    Publicado por Jose Silva | 1 de agosto de 2017, 09:19
    • Obrigada José, tenho um pouco de dificuldade com esses plataformas virtuais, rs… Mas vou sugerir a idéia pro meu editor, acho que ele entende mais disso do que eu…
      Abraços!

      Curtir

      Publicado por Paloma Franca Amorim | 1 de agosto de 2017, 10:38
      • Nào siga o caminho do Lúcio, rsrsrsrsrs. Quanto mais plataformas o livro estiver disponível melhor. Lembre-se que a geração de hoje só consegue ler no celular…

        Curtir

        Publicado por Jose Silva | 1 de agosto de 2017, 16:16

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: