//
você está lendo...
Cidades

Barulho de hotel

A juíza Ellen Christiane Bemerguy Peixoto do Juizado Especial Criminal do Meio Ambiente, deixou de receber denúncia contra Romulo Maiorana Júnior, por não ter sido individualizada a sua culpa pela poluição sonora atribuída ao seu hotel, o Radisson Maiorana, na Braz de Aguiar, que também foi denunciado como pessoa jurídica. O processo é de 2014.

A juíza tomou essa decisão por considerar que existe “a possibilidade de responsabilização penal da pessoa jurídica [Maiorana Business Center Hotel Residence] por crimes ambientais independentemente da responsabilização da pessoa física de seu sócio”, e por também considerar que não houve na peça acusatória “a individualização de conduta delituosa”.

Parece que os vizinhos do hotel não estão satisfeitos com sua atividade.

Discussão

Um comentário sobre “Barulho de hotel

  1. Bons costumes da tradicional família brasileira…e seus bons moços?

    Curtir

    Publicado por Luiz Mário | 31 de agosto de 2017, 18:36

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: