//
você está lendo...
Política

A candidatura de Izabela jatene

O deputado estadual Márcio Miranda, presidente da Assembleia Legislativa, e Izabela Jatene aparecem ao lado do governador Simão Jatene em sete das 16 fotos postadas pela Agência Pará no seu site. O material é relativo à assinatura de convênios entre o governo do Estado e os prefeitos de 21 municípios, no valor de mais de 52 milhões de reais em recursos para obras e serviços.

A distribuição do dinheiro marcou o encerramento da terceira reunião do Fórum Permanente de Prefeitas e Prefeitos dos Municípios Sustentáveis, ontem, no Hangar, em Belém.

A presença ostensiva dos dois se justifica. Márcio, mesmo sendo do DEM, é tido como o candidato de Jatene à sua sucessão. Sua filha, Izabela, fez as honras da casa, por ser a secretária extraordinária de Municípios Sustentáveis, cargo criado pelo pai especialmente para ela, sua primeira ocupante (e, talvez, única).

Izabela é apontada geralmente como candidata a deputada federal na eleição de outubro. Mas fontes do palácio garantem que o candidato será o marido dela, Roberto Souza, cujo escritório de representação, num prédio luxuoso perto da Doca de Souza franco, apesar de sua porta blindada, foi invadido e assaltado em outubro do ano passado (o resultado da investigação policial ainda não foi anunciado, apesar de versões – não confirmadas – de que o butim teria sido de três milhões de reais).

Pode ser que as duas versões estejam certas. O genro de Jatene será candidato a deputado federal. E Izabela seria a vice de Márcio Miranda?

Quem souber do que acontece pelos bastidores do poder estadual, que esclareça a verdade.

 

Discussão

6 comentários sobre “A candidatura de Izabela jatene

  1. Parece que o Jatene no seu último mandato está usando e abusando do nepotismo. Qual a razão? Garantir o sustento da família para as próximas decadas? Aparentemente ele não era muito chegado a esta prática. Alguém tem mais informação? Ou eu estou enganado?

    Curtir

    Publicado por Jose Silva | 8 de fevereiro de 2018, 21:58
  2. Faz Jatene com a filha o mesmo que Wlad com o filho. E até pior… Não votarei nela nem em ninguém que o Jatene indicar. Não vivemos em um regime monárquico.
    E se vier alguém de algum puxadinho do PT para o segundo turno contra alguém indicado (ou indicada) pelo seresteiro, anularei o voto. Chega de dor na consciência. O uso da máquina em benefício próprio contra os “fins que justificam os meios” não é mais democracia.

    Curtir

    Publicado por Eleitor | 9 de fevereiro de 2018, 10:42
  3. Mais do que nunca é a hora e a vez de Úrsula Vidal. Chega de PMDB e PSDB no Pará.

    Curtir

    Publicado por Davison Nery | 9 de fevereiro de 2018, 16:24

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: