//
você está lendo...
Cultura

A polêmica da feira

Reproduzo o texto que a jornalista Márcia Carvalho publicou no seu Facebook para manter, alargar e aprofundar o debate sobre a Feira Pan-Amazônica do Livro, que começará em Belém dentro de um mês.

Há uns quatro anos me chamaram para produzir a revista da Feira
Pan-Amazônica do Livro. a programação ainda estava sendo definida,
então tomei a liberdade de sugerir vários nomes de escritoras e
debates sobre gênero e literatura. a palestra da Chimamanda estava
bombando no TED e eu estava muito empolgada com essa nova primavera
feminista. fui solenemente ignorada.

não sou artista e nem escritora, mas fui editora dos cadernos de
cultura dos dois jornais da cidade e isso me fez conhecer boa parte
das pessoas que produzem arte e cultura nesse Estado. a gente sabe
como a coisa toda funciona. não existe política pública de fomento à
cultura. a Secult se limita a manter dois ou três eventos por ano:
Feira do Livro, Festival de Ópera e mais algum que devo ter esquecido.
uma gestão altamente elitista, sem editais de fomento, sem projetos
para Belém e muito menos para o interior do Estado.

por isso o cartaz machista e racista da Feira do Livro diz muito sobre
o evento. e a resposta do Paulo Chaves à Folha de São Paulo, acusando
a crítica de “preconceito inverso”, resume a arrogância e a
prepotência desse gestor. se o novo cartaz diz “para entender outra
cultura, tudo é questão de despertar sua alma”, dando a entender que
somos nós os ignorantes, o que dizer de uma gestão elitista e
autoritária que se perpetua na Secult há quase 25 anos?”

Discussão

3 comentários sobre “A polêmica da feira

  1. Se esta Sra. é jornalista formada e está escrevendo à maneira como mostrada, então Eu sou o Curupira.

    Curtir

    Publicado por poblema. | 26 de abril de 2018, 14:41
  2. Eu é que não quero esse Paulo Chaves de volta à UFPA quando perder as tetas cheias de leite (vulgo Secretaria de Cultura). Vade retro Chaves, vade retro Jatene, vade retro Helder!

    Curtir

    Publicado por Giovana | 27 de abril de 2018, 20:01

Trackbacks/Pingbacks

  1. Pingback: Feira Pan Amazônica do Livro: Organizadores apenas reafirmam racismo e machismo ao responder denúncias - Blog BiDê – Opera Mundi - 2 de maio de 2018

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: