//
você está lendo...
Política

Qual o rumo?

Quais são os responsáveis pelo resíduo da greve de caminhoneiros, que segue em decréscimo, mas não termina? Segundo a versão do governo, são grupos de caminhoneiros que resistem a um acordo e impedem a desistência de colegas que ainda estão retidos nos pontos de concentração, usando até violência e coação. Há também pessoas infiltradas, vândalos e, agora, criminosos, que estariam se aproveitando da situação, como acontece agora em São Paulo.

Essa versão precisa ser checada. Infelizmente, a imprensa não tem conseguido acompanhar os fatos nos locais onde eles acontecem. Por isso, é mais difícil avaliar por quanto tempo a paralisação persistirá e quais os seus desdobramentos. O país permanece em sobressalto.

Discussão

15 comentários sobre “Qual o rumo?

  1. Desse jeito elegem mesmo o Bolsonaro. A desordem e o caos são seus maiores cabos eleitorais, disputados com as esquerdas de acordo com conveniências específicas. É só achar de onde vem o dinheiro para financiar a coisa toda, embora pareça ter sido um movimento espontâneo. Mas ninguém quer ainda assumir a paternidade, antes de saber se a criança é perfeita.
    O Brasil está perdido mesmo. Não tem projeto, não sabe seu dia de amanhã. A única coisa que sabe é que fica a cada dia mais pobre. E rápido demais para suportar.
    Boa sorte a todos na fila do pão.

    Curtir

    Publicado por Zé Carlos | 29 de maio de 2018, 19:04
  2. Lucio, olá aqui estou novamente. Estava aqui pensando na estrutura política-econômica Brasileira e te faço uma pergunta, será que chegou ao fim o tenebroso “plano de desenvolvimento” imaginado e exucutado desde a ditadura militar ? Será que o que está por trás de tudo isso o que vem acontecendo no Brasil nos últimos anos é o fim de um “plano de desenvolvimento” ? A ligação do Brasil Norte-Sul por rodovias, o “incentivo do estado” a empresas privadas, o crescimento do pib sendo acompanhado pela concentração de renda, o poder(prioridade) dado ao mercado finaceiro etc.. Será que no fundo e disso que se trata ?

    Curtir

    Publicado por thiago donza | 29 de maio de 2018, 20:42
    • Até agora, acho que não. Este foi um episódio importante, mas ainda faltam informações para defini-lo melhor. Ao menos para mim.

      Curtir

      Publicado por Lúcio Flávio Pinto | 29 de maio de 2018, 20:50
    • Thiago Donza, se você investigar a expressão “concentração de renda” que usou, vai estar preparado para responder a todas as suas perguntas e muito mais. O Lúcio poderia começar com sua visão sociológica.

      Curtir

      Publicado por Rosa Carla | 30 de maio de 2018, 00:38
      • Delego-lhe a tarefa, Rosa.

        Curtir

        Publicado por Lúcio Flávio Pinto | 30 de maio de 2018, 10:22
      • Só se você me responder por que ocorre e citar exemplos de onde mais ocorre. Qual a origem da “concentração de renda”, e por que o leitor acima a correlaciona com um “incentivo do estado a empresas privadas” no fim de um suposto “plano de desenvolvimento”? Só de você pensar nisso, tenho certeza de que sua consciência saberá que nas próprias reflexões estarão as respostas.
        Não seria importante estimular esse debate para esclarecer os leitores em uma época em que ninguém entende mais nada sequer de si mesmo, do discurso que adotou?
        Por que, Lúcio, ocorre a “concentração de renda”, espécie que leva a outra expressão quase sinônima (“desigualdade social”), e qual a relação com a situação atual do Brasil, com as insatisfações? Será que você não consegue responder a isso?
        Ou será que as próprias respostas que tiver que dar vão de encontro ao que acreditou a vida inteira?
        Conclamo todos ao debate.

        Curtir

        Publicado por Rosa Carla | 30 de maio de 2018, 12:59
  3. Verdade, você tem razão. Obrigado pela resposta.

    Curtir

    Publicado por thiago donza | 29 de maio de 2018, 21:05
  4. Só se foi no seu bairro,porque aqui no Marco de sábado até hoje já morreram três pessoas.

    Curtir

    Publicado por Marcelo | 29 de maio de 2018, 23:10
  5. Lucio, o governo alega gente infiltrada nessa greve, mas você não acha que esse movimento que parece ser por uma causa justa que é o abuso de aumentos no combustivel tem tambem interesses políticos de ” peixe grande”?

    Curtir

    Publicado por Eliete Gomes | 29 de maio de 2018, 23:30
  6. Creio que uma pesquisa recente deu a resposta parcial a origem dos problemas do Brasil: 87% da população apoia a greve, mas não quer pagar a conta. Está claro que responsabilidade fiscal não faz parte do nosso DNA.

    Curtir

    Publicado por Jose Silva | 30 de maio de 2018, 07:55

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: