//
você está lendo...
Energia, Hidrelétricas

Usina térmica de Barcarena

O Ibama realizará no dia 14 de junho audiência pública, em Barcarena, para a apreciação do EIA-Rima (estudo e relatório de impacto ambiental) da usina termelétrica que a empresa Hidrovias Brasil pretende instalar no porto de Vila do Conde, o maior do Pará. É uma termelétrica de grande porte, com potência de 1,5 mil megawatts, que corresponde a quase 20% da capacidade nominal da hidrelétrica de Tucuruí, no rio Tocantins, a quarta maior do mundo. É 10% da potência nominal da hidrelétrica de Belo Monte, que irá superar Tucuruí quando concluída. Mas, considerada  a potência firme da usina do rio Xingu, a termelétrica de Vila do Conde terá mais de um terço da sua potência.

A obra já foi licenciada pelo Estado, sem maiores discussões, mesmo diante do seu porte e da utilização de 2,4 milhões de metros cúbicos de gás por mês para permitir o seu funcionamento e da complexa estrutura operacional, que prevê um píer de navios, um navio de armazenagem de GNL e regaseificação, e um gasoduto com aproximadamente dois quilômetros  de extensão. A operação consistirá no recebimento de gás natural, que chegará em estado líquido por navios no píer e sua regaseificação em uma unidade de armazenagem e regaseificação estacionária instalada no mesmo píer, seguindo por gasoduto até a usina. A energia gerada será entregue na subestação de energia de Vila do Conde para venda no mercado livre.

Discussão

8 comentários sobre “Usina térmica de Barcarena

  1. Esse projeto já “foi e voltou” uma tantas vezes, na “carteira” de empresas na região, notadamente a Vale, que hoje não tem mais investimentos em Barcarena.
    Dois problemas ambientais graves: emissões atmosféricas, embora minimizadas por uso de gás, vão se juntar a outras fontes existentes, das fábricas em operação e a fonte de água para gerar vapor. Se for do rio, menos mal, mas se for subterrânea é um grande risco,pois hoje o consumo já é grande, pela empresas locais e pera o abastecimento de Vila dos Cabanos e arredores.

    Curtir

    Publicado por Jose Etrusco | 31 de maio de 2019, 11:44
  2. Lúcio Flávio é um ser antenado com a problemática amazônica, sempre nos informando daquilo que tenta chegar de forma meio silênciosa, ele não deixa! Só temos a agradecê-lo!

    Curtir

    Publicado por Afonso Rodrigues da Silva | 1 de junho de 2019, 18:11
  3. Só agradecendo pelas informações e principalmente a população de Vila do Conde vamos ficar de olho . Porque já estamos com muita contaminação E mazelas das fábricas existentes em nosso município , se Vila do Conde viv

    esse de turismo o povo vivia melhor
    As autoridades tem que tirar a população
    Do Conde urgente porque nós estamos muito doentes .

    Curtir

    Publicado por Sheila da silva | 2 de junho de 2019, 20:32
    • Estive em Vila do Conde, pela primeira vez, em 1973. Voltei no ano seguinte, acompanhando a primeira expedição técnica sobre o polo de alumínio e a hidrelétrica de Tucuruí. A transformação foi brutal. Uma característica constante tem sido a desinformação da população local sobre o que estava acontecendo de tão grande, transformador e violento. Meu empenho desde então tem sido fornecer as informações essenciais sobre essa história. Espero voltar à termelétrica para que os moradores da região possam avaliar os fatos e decidir conforme seus interesses e direitos.

      Curtir

      Publicado por Lúcio Flávio Pinto | 2 de junho de 2019, 21:18
  4. A data da audiência será dia 14, pelo menos é o que está sendo divulgado aqui na cidade.

    Curtir

    Publicado por Jackeline | 6 de junho de 2019, 18:47
  5. Que Deus nos livre de uma grande desgraça.

    Curtir

    Publicado por Pedro Pinto | 10 de junho de 2019, 18:10

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: