//
você está lendo...
Economia, Energia

Porto e usina

No dia 13, o Conselho Estadual de Meio Ambiente aprovou a licença prévia para ampliação do terminal de uso privado de Vila do Conde, em Barcarena, da Hidrovias do Brasil. Representantes da empresas informaram sobre a inclusão no empreendimento de tubulações para químicos e combustíveis, pier para unidade de armazenamento e regaseificação, gasoduto submerso, armazéns de tancagem, correias transportadoras e outros itens necessários para a ampliação. O investimento, de 451 milhões de reais, se integra ao projeto da termelétrica a gás que será instalada no local, uma das maiores do país.

Discussão

Um comentário sobre “Porto e usina

  1. Um claro exemplo de fracionamento de licenciamento ambiental. Vai se fazendo tudo aos poucos, picadinho, construindo uma Frankstein industrial.
    No dia 14 ocorria a audiência pública para discutir a termo. Como parte das estruturas podem ter sido autorizadas ainda antes da termo? Estas estruturas não simplesmente se integram, mas são dedicadas e essenciais para a termo. Jamais poderiam ser licenciadas à parte.
    Coisas da SEMAS/COEMA.

    Curtir

    Publicado por Bernard | 17 de junho de 2019, 21:09

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: