//
você está lendo...
Deesmatamento, Ecologia, Floresta, Governo, Justiça, Madeira, Polícia, Política, Queimadas

Os terroristas do deputado

O deputado federal Eder Mauro (do PSD), parabenizou, ontem, “toda a equipe de policiais” civis do Estado, por prenderem quatro voluntários que atuam como brigadistas anti-incêndio em Alter do Chão, em Santarém, que chamou de “bandidos terroristas”.

Enquanto o pronunciamento do delegado (também da polícia civil) se espalhava pela internet, o chefe da equipe elogiada pelo parlamentar, delegado José Humberto Melo Jr., era sumariamente afastado do caso, substituído por Waldir Freire. Jr. era da área fundiária, enquanto Freire atua no combate a crimes ambientais. Só isso já diz alguma coisa sobre os interesses ocultos dessa história

O ato foi do governador Helder Barbalho, do MDB, que não pode ser incluído entre os políticos “de cara lambida de esquerda que defendem esses bandidos terroristas”, conforme o deputado esbravejou. Éder, até nova informação em contrário, é aliado dos Barbalhos.

As pessoas sensatas e racionais vão esperar que, libertados os brigadistas pela mesma justiça que os mandou prender, as investigações se tornem públicas (sem o sigilo imposto ao inquérito policial), e passem da polícia e da justiça estadual para a polícia e a justiça federal, por envolver terras do domínio da União. Sem intolerância, insensatez, histeria e grito. Serenamente na direção da verdade dos fatos.

Discussão

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: