//
você está lendo...
Educação, Governo, Saúde

Quem?

A Kaizen Comércio e Distribuição de Produtos Alimentícios, que chegou a ser contratada pela secretaria de Educação, por 74 milhões de reais, para fornecer cestas de alimentação para os 516 mil alunos pelos 144 municípios da rede estadual de ensino do Pará, em caráter emergencial, devido à pandemia de coronavírus, pode ser uma empresa de papel. O contrato foi cancelado logo depois que seu conteúdo foi revelado, por determinação do governador Helder Barbalho.

A Kaizen foi criada em 2015 por Edson Araújo Rodrigues, filho de um dos donos do grupo Líder de supermercados e varejo, José Rodrigues. Apesar possuir capital de apenas 79 mil reais, que a coloca na faixa de empresa de pequeno porte, declara como seu objetivo um vasto conjunto de atividades desde fornecimento de alimentação a construção civil, produção de roupas ou reparos em eletrônicos.

Em 2015 mesmo (e em 2016) assinou nove contratos, no valor global de 960 mil reais com a Fundação de Atendimento Socioeducativo do Estado do Pará, durante a administração Simão Jatene, do PSDB. Em julho de 2018, seis meses antes do fim do governo tucano, assinou um contrato com a fundação.

O contrato deveria se encerrar um ano depois. O Diário Oficial de 10 de dezembro do ano passado publicou um aditivo prorrogando a vigência contratual, “em caráter excepcional”, como se tivesse sido assinado em 30 de setembro.

Já no governo Helder Barbalho, em abril de 2019, foi assinado outro contrato, no valor de R$ 502 mil, com vigência até o próximo mês.

Assim, as relações entre o governo e a empresa passaram de um governo para o outro, mesmo sob o comando de adversários políticos. Essa fluidez talvez se explique pela vinculação de Edson Rodrigues ao grupo Líder, o maior do varejo no Pará.

Como a Kaizen não tem estrutura para fazer a coleta e a distribuição de 536 mil kits de alimentação, muito menos imediatamente, como é necessário para alimentar estudantes sem escola, quem faria o serviço por ela?

Discussão

3 comentários sobre “Quem?

  1. Nada a ver com o Grupo Lider, que nunca em sua existência de mais de cinquenta anos negociou alguma coisa com algum Governo.

    Curtir

    Publicado por Oscar Correa Rodrigues | 31 de março de 2020, 19:42
    • Agradeço pela sua declaração, que assume essa dissociação, estando em condições de provar o que diz e desfazer a hipótese suscitada, de que a Kaizen não iria utilizar nem utilizou a estrutura do Líder para executar um serviço que ultrapassa em muito a sua capacidade.

      Curtir

      Publicado por Lúcio Flávio Pinto | 31 de março de 2020, 20:07
  2. Assumimos e provamos. Atendemos mensalmente mais de 3.000.000 de clientes individuais, nosso negócio é o comércio varejista, nunca participamos ou trabalhamos com este negócio de licitação, eu particularmente nem sei como isto funciona,nem quero saber, nunca tinha ouvisto falar no nome desta Empresa ” KAIZEN né?” Não sei porque o nome do Líder foi citado, O Grupo Líder é um, e a Família dos que o administram são outra coisa, se adentram em uma de suas lojas são como qualquer outro cliente, pagam os mesmos preços, nas mesmas condições,de qualquer um outro cliente, e se tiver que esperar ficam na mesma fila igual a todos.os familiares que lá querem trabalhar são funcionários igual qualquer um outro como carteira assinada recebendo salários de acordo com a função que exercem, e quando não a mais interesse em seus serviços ou não tenham mais interesse em ficar na empresa são demitidos e indenizados exatamente igual a qualquer outro funcionário sem qualquer privilégio, o Líder não tem nada a ver com seus negócios particulares, não os motiva nem os proibe, nem é responsável por qualquer dos seus atos. Obrigado pela Oportunidade de deixar claro como a empresa funciona.

    Curtir

    Publicado por Oscar Corrêa Rodrigues | 31 de março de 2020, 22:40

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: