//
você está lendo...
Governo, Grandes Projetos, Minério, Transporte

Mais minério

A mineradora Vale recebeu do Ibama (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis) a licença de instalação, com validade até 2024, para as obras de duplicação da ferrovia de Carajás, incluindo a ponte sobre o rio Tocantins. A linha possui 892 quilômetros de extensão, entre os municípios de São Luís, no Maranhão, e Parauapebas, no Pará. A licença também inclui a atividade dos canteiros de obras de Bom Jesus das Selvas e Santa Rita, no Maranhão.

É para sair aidna mais minério de ferro de Carajás para o exterior, principalmente para a China.


Discussão

4 comentários sobre “Mais minério

  1. Glenn Greenwald, quase trinta anos depois, repete o gesto do jornalista deste blog: depois de ser censurado, pede demissão de onde trabalhava e inaugura um site próprio. A história se repete, com adaptação das novas tecnologias. Lúcio sempre na vanguarda.

    Curtir

    Publicado por Antonio Duval | 30 de outubro de 2020, 08:47
  2. …até restar ao Pará só o buraco de Carajás e a miséria de sempre.

    Curtir

    Publicado por Elias Granhen Tavares | 30 de outubro de 2020, 09:08

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: