//
você está lendo...
Memória, Navegação

Memória – A frota branca

Em julho de 1955, o SNAPP, a empresa federal responsável pela navegação na Amazônia, nacionalizou o Augusto Montenegro, quinto navio da “frota branca”, que o governo Getúlio Vargas comprou na Holanda. Já antes recebera o Presidente Vargas, o Lauro Sodré, o Lobo d’Almada e o Leopoldo Peres.

Seria o maior investimento do governo federal em toda a história da navegação na região. Mas a frota não duraria mais do que duas décadas de uso. O transporte fluvial deixara de ser prioridade com a construção das grandes estradas de rodagem.

Pior para a Amazônia.

Discussão

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: