//
você está lendo...
Economia, Estrangeiros, Indústria, Minério, Multinacionais

Alcoa reduz capital

As empresas acionistas da Alcoa World Alumina Brasil decidiram unanimemente reduzir em quase 240 milhões de reais (R$ 238.916.372,00) o capital social da companhia, que era de 4,840 bilhões de reais e passou para R$ 4,601 bilhões. A medida foi adotada por excesso do capital social em relação às necessidades de investimentos apresentadas pela administração, “basicamente de pequena monta já que direcionados à manutenção do parque produtivo atual”.

As sócias são:

Alcoa Alumínio

Alumina Limited do Brasil

Alcoa USA Holding Company

Alumina Brazil Holdings

Alcoa World Alumina

Grupiara Participações

Butiá Participações S.A.

Discussão

2 comentários sobre “Alcoa reduz capital

  1. A Vale já fez isso.

    1 – Devolve-se parte do capital aos acionistas.
    2 – Ocapital social fica MENOR. A quantidade de ações subscritas e integralizadas DIMINUI.
    3 – Resultado: o lucro por ação, a distribuir, AUMENTA.

    Essa jogada é velha…

    Mesmo que o lucro líquido da empresa não aumente — ele pode até mesmo cair um pouquinho — ainda assim a remuneração aos acionistas continua atraente, porque a eventual redução (ou o não crescimento), foi compensada pela devolução de parte do capital social. A cotação do papel, na bolsa, não só não cai, como até se eleva, porque ficou mais lucrativo.

    PROBLEMAS (para o Brasil, claro!):

    1 – Quando, no meio do capital devolvido, vai a grana braba que ela acumulou durante anos a fio, sob a forma de isenções e reduções tributárias, concedidas pelo país sob a alegação de que elas eram (ou são) necessárias, para capitalizar a empresa e torná-la competitiva. Se isso acabou empurrando dinheiro demais na empresa, parte da devolução deve ser feita para o Tesouro Nacional, e não apenas para os acionistas. (Com a Vale, o trem da alegria trafegou festivamente, sob o olhar complacente da bugrada…).

    2 – Quando, pouco tempo depois de devolver capital aos acionistas, alegando ter dinheiro demais, a empresa corre pra um balcão estatal, tipo BNDES, pedindo dinheiro emprestado, a juros de “mamãe, quero mais”, alegando a necessidade dos investimentos que ela declarara desnecessários. (A Vale também fez isso, com a bugrada fazendo cara de paisagem…).

    Curtir

    Publicado por Elias | 21 de fevereiro de 2022, 14:29

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: