//
Arquivos

Economia

Esta categoria contém 446 posts

O Cupari é o alvo

O complexo hidrelétrico do braço leste e do braço oeste do rio Cupari vai ser o tema da audiência pública que a Semas fará no dia 26, em Rurópolis. Trata-se realmente de um complexo, formado por dois empreendimentos distintos, projetados para os dois braços do rio. São, portanto, duas realidades distintas. No entanto, elas formam … Continuar lendo

A história na chapa quente (349)

(Publicado no Jornal Pessoal 331, de outubro de 2004) Exportação: minério cada vez mais forte Um novo produto entrou na pauta de exportação do Pará em agosto: o concentrado de cobre, obtido na mina do Sossego, em Carajás. Só nesse mês foram vendidos 51 milhões de dólares do produto, que passou a representar, de imediato, … Continuar lendo

Secretário desmente jornal

O secretário de Transportes do Estado, Kléber Menezes, negou que tenha feito críticas à Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade do Estado, como noticiou o Diário do Pará, matéria esta repercutida pelo blog. O secretário garantiu, pelo whatsap, que se limitou a pedir a modificação de uma resolução que impõe uma análise complexa para o … Continuar lendo

Yamada reaparece

A Y. Yamada voltou com estilo às páginas dos jornais, com um anúncio de página inteira na edição de hoje do Diário do Pará, saudando o aniversário de Belém. A peça não saiu em O Liberal. Cinco lojas da empresa já estão funcionando, inclusive a matriz, no centro antigo da cidade, e o Plaza, que … Continuar lendo

A história na chapa quente (346)

Cavalo de Troia made by China   (Publicado no Jornal Pessoal 329, de setembro de 2004)   Na década de 1970, o alto custo da energia, provocado pelo duplo choque do petróleo, obrigou o Japão a refazer sua estrutura produtiva. Uma de suas mais drásticas iniciativas, motivada pela fragilidade energética do país, foi fechar praticamente … Continuar lendo

Mais trabalho, embora pouco

O Pará foi um dos 13 Estados que conseguiram criar mais postos de trabalho em novembro, comparativamente a outubro deste ano. Foram abertas 729 novas vagas no Estado, que ficou em oitavo lugar dentre os Estados com saldo positivo. O líder do ranking foi o Rio Grande do Sul, com mais 8.753 empregos de um … Continuar lendo

Os maiores caloteiros

Os três maiores devedores em atividade do governo federal são, em sequência, a mineradora Vale (com quase 50 bilhões de reais), a Petrobras (R$ 23,3 bilhões) e o Bradesco (R$ 5,5 bilhões). Tirando entes do poder público, dentre as empresas privadas que mais devem à previdência social estão a JBS (a 2ª, com dívida de … Continuar lendo

Basa: extravagância

Setenta e cinco anos não constituem uma data redonda, mas a atual direção do Banco da Amazônia a está comemorando como se fosse de centenário, com a maior campanha de publicidade de que se tem notícias na história da instituição. As peças de propaganda saem continuamente já há bastante tempo. Hoje mesmo, aparecem nos três … Continuar lendo

O segredo dos tucanos

Os Estados brasileiros travam entre si uma guerra fiscal por vezes selvagem. À cata de investidores privados, concedem benefícios superiores ao dos concorrentes. O Pará está nesta guerra. Sua liberalidade nos benefícios tem sido questionada, como foi ontem pelo titular da 2ª Promotoria de Defesa do Patrimônio Público e da Moralidade Administrativa, em ação que … Continuar lendo

A história na chapa quente (342)

Farol no mundo do crime (Publicado no Jornal Pessoal 328, de agosto de 2004) No dia 14, um sábado, o ministro da Fazenda, Antônio Palocci, teve um encontro reservado em Brasília com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que partia naquele dia para uma viagem ao Paraguai, Haiti e República Dominicana. Palocci estava preocupado … Continuar lendo