//
Arquivos

Energia

Esta categoria contém 235 posts

Albrás sem dividendos

A Albrás, a maior indústria de alumínio, instalada em Barcarena, teve um lucro líquido de quase 250 milhões de reais no exercício de 2017. Na época, os acionistas decidiram distribuir entre si metade desse valor (R$ 122 milhões) como dividendos. Em abril do ano passado, porém, eles reconsideraram a decisão, prorrogando o prazo para o … Continuar lendo

Termelétrica de Barcarena

A Celba (Centrais Elétricas de Barcarena) já pode iniciar a implantação do seu complexo termelétrico no município. O Conselho Estadual do |Meio Ambiente aprovou a concessão de licença prévia para a atividade da usina a gás natural, terminal de regaseificação e gasoduto, com capacidade para 1,5 mil megawatts, o equivalente a mais de 10% da … Continuar lendo

Chineses maiores em energia

O BNDES anunciou, hoje, que aprovou financiamento de 5,2 bilhões de reais para que a Xingu Rio Transmissora de Energia, empresa pertencente ao grupo chinês State Grid, implante a segunda linha de transmissão de energia da hidrelétrica de Belo Monte, no Pará, ao Rio de Janeiro, no município de Nova Iguaçu, com 2.500 quilômetros de … Continuar lendo

A questão chinesa

“A China não está comprando no Brasil, ela está comprando o Brasil”, alertou Jair Bolsonaro na semana passada. “Você vai deixar o Brasil na mão do chinês?”, provocou ele, mexendo num vespeiro mantido até então sob aparente harmonia. Enfrentou um tema que a esquerda e sues aliados populistas evitaram tratar, apostando, talvez, numa acomodação natural. … Continuar lendo

Uma usina de dólares

Num único dia de outubro de 1973, os países árabes produtores de petróleo, envolvidos em mais uma guerra com Israel, elevaram o preço do barril de petróleo de três dólares para US$ 5,12. O reajuste, de 70%, provocou o primeiro choque do petróleo. Em março do ano seguinte, o barril já estava em US$ 12 … Continuar lendo

O que fazer?

O projeto original da Alunorte (de alumina) foi concebido originalmente em 1976, casado com o da Albrás (de alumínio), ambos a serem conduzidos por um consórcio empresarial nipo-brasileiro, com endosso dos governos dos dois países, através de acordo assinado em Tóquio pelo general-presidente Ernesto Geisel, com toda pompa e circunstância. A iniciativa binacional foi adotada … Continuar lendo

Quem manda na Amazônia?

Por que um Estado tão rico, como o Pará, é também tão pobre? Esta deveria ser a questão mais importante na agenda dos candidatos à eleição de outubro. O Pará abriga a maior frente econômica do país, que se expande pelo seu vasto interior (com 1,2 milhão de quilômetros quadrados) à cata de recursos naturais. O … Continuar lendo

Arquivo JP (43)

No Xingu, a energia do subdesenvolvimento (JP 243, setembro de 2000) Se tudo transcorrer conforme seus planos, a Eletronorte espera concluir o projeto da hidrelétrica de Belo Monte, no Xingu, no final de junho do próximo ano. Será a maior usina brasileira (e uma das maiores do mundo), com capacidade de geração superior à atual … Continuar lendo

Arquivo JP (42)

Tucuruí: milhões de dólares ocultos pela névoa do tempo   (Jornal Pessoal 243, setembro de 2000) A Eletronorte gastou quase 60 milhões de reais para recuperar e complementar o canteiro de obras de duplicação da hidrelétrica de Tucuruí. Esse investimento equivale a 10% do orçamento previsto – de R$ 580 milhões – para a elevação … Continuar lendo

Arquivo JP (35)

O bom combate pelas eclusas   (Jornal Pessoal 241, agosto de 2000)   O então senador e presidente (por quase meio século) da Federação das Indústrias do Pará, Gabriel Hermes, Filho chegou a ameaçar que se a hidrelétrica de Tucuruí fosse inaugurada sem o restabelecimento da navegação no rio Tocantins, ele se colocaria debaixo da … Continuar lendo