//
Arquivos

Esporte

Esta categoria contém 50 posts

A vitória por 4 a 9

Foi uma noite memorável aquela de 29 de abril de 1965 para quem foi ver o jogo entre o Santos e o Remo no Evandro Almeida (que também atende por Baenão), em Belém do Pará. O time da casa levou 9 gols do visitante. Cinco deles foram marcados pelo maior jogador de futebol de todos … Continuar lendo

Voo cego

Desde que os jogos de futebol voltaram a ser presenciais, os clubes não fornecem informações sobre o público e a renda de cada partida. Se essa omissão tem a bênção da federação do esporte, seria bom que o Ministério Público, a polícia ou mesmo a Receita Federal fizessem uma verificação no borderô dos clubes e … Continuar lendo

Dinheiro jogado fora

O governo do Estado está investindo 146 milhões de reais na reforma do estádio Edgar Proença, o popular Mangueirão. Para que ele sirva de palco a um futebol de meia pataca.

Memória – Tênis com sotaque

Em dezembro de 1952, o Tênis Clube do Pará, “uma agremiação diferente”, conforme o registro jornalístico da época, monopolizado pelo futebol, inaugurou sua quadra em Belém com um movimentado torneio. Na categoria simples masculino, Jaet Klapish venceu Robert Dean por 6 a 5 e José Moutinho por 6 a 1. Em duplas masculinas, Fulton de … Continuar lendo

Futebol: o campo é um picadeiro

O Paissandu pode aplicar uma goleada no Remo ou sofrer outra. As vitórias podem ser por placar magro ou elástico. Pode haver empate com muitos gols ou sem nenhum. Tudo é possível em mais um jogo do clássico por mais vezes disputado em todo mundo. Nenhum dos dois times tem um padrão de jogo, nem … Continuar lendo

Desinformação

Parece que os jornais de Belém se desinteressam pela divulgação da renda e do público dos jogos do campeonato paraense de futebol. Não há justificativa aceitável para essa lacuna, que só existia, evidentemente, durante o período da pandemia da covid-19 em que as partidas eram disputadas sem público. A informação interessa aos leitores dos dois … Continuar lendo

R$ 5,2 milhões para o futebol

Ao longo dos próximos sete meses, o Banco do Estado do Pará vai transferir 5,2 milhões de reais (R$ 5.193.500,00 em valor exato para a Federação Paraense de futebol, “a título de patrocínio, destinados à realização de evento denominado Campeonato Paraense de Futebol 2022 – Parazão Banpará 2022”. Sem impor um contrato de gestão ao … Continuar lendo

Natação azulina

Começa oficialmente hoje o Ano da Natação Azulina, com a II Maratona Aquática, Troféu Miguel Gemaque, uma homenagem a um apaixonado nadador e excelente pessoa, em alguns momentos meu vizinho de raia. Para assinalar a ocasião, sua irmã, Maria Cristina, escreveu o texto abaixo reproduzido, que faço meu; __________ Miguel Gemaque nadou desde jovem, parou … Continuar lendo

Memória – Façanha do GuaraSuco

O mirífico e almejado “Sul” do Brasil ficava muito longe do Norte. Mas o futebol compensava os esforços de aproximação. O refrigerante GuaraSuco (que estava em todas) patrocinou, em 1962, a formação da “maior cadeia radiofônica” paraense. As adversárias Rádio Marajoara e Rádio Clube, mais a Rádio Educadora de Bragança, se uniram para levar Edyr … Continuar lendo

Futebol: tem jeito?

Os torcedores do Clube do Remo não estariam num dia de ansiedade e tensão se o time tivesse alcançado pelo menos mais uma vitória. Vendo-se retrospectivamente a trajetória da série B do campeonato brasileiro de futebol é impossível não acreditar que a tarefa seria, mais do que possível, fácil. A mediocridade é generalizada no futebol … Continuar lendo