//
Arquivos

Multinacionais

Esta categoria contém 222 posts

Em busca do tempo perdido?

O Ministério Público do Estado anuncia, na edição de hoje do Diário Oficial, que ainda está acompanhando a execução do Termo de Compromisso de Ajustamento de Conduta, que é de 2006, entre o próprio MP estadual, mais o federal, a Fadesp, o Estado e a Alunorte. A razão do procedimento foram os fatos ocorridos três … Continuar lendo

Ameaça ao Baixo-Amazonas

O professor e geógrafo Rogério Almeida denunciou, em seu blog, a invasão do sindicato dos trabalhadores rurais de Santarém. Mas alerta: não se trata de um fato isolado no avanço da fronteira do grande capital sobre o Baixo Amazonas. Seu alerta merece ser reproduzido, lido, considerado e servir de motivação para algum tipo de reação; _____________________ … Continuar lendo

A fantasia do Pará industrial

“O setor que responde pelo aumento constante do PIB é a indústria”. É ela também “que faz a arrecadação de impostos, taxas e royalties subir cada vez mais”. Dessa forma, “contribui para que haja mais investimentos públicos e privados”. É por isso que o Estado “é mais com a indústria. Cada vez mais”. Com essa … Continuar lendo

Destruição sempre

O Brasil foi um dos 113 países presentes ao primeiro encontro promovido pela ONU, em 1972, na Suécia, para discutir globalmente as relações entre o desenvolvimento humano e o meio ambiente. A ecologia era uma ciência nova, ainda em formação, mas já mostrara a destruição crescente da natureza pelo avanço transformador do seu mais agressivo … Continuar lendo

Por trás das palavras

A manchete da edição de hoje de O Liberal deve ter causado grande impacto nos seus leitores. Diz: “Paradoxo Amazônico” – Mineradoras repassam só 3% do faturamento ao Pará. O texto abaixo complementa: “Somente no 1º trimestre de 2021, empresas faturaram mais de R$ 31 bi, mas compensação ao Estado foi de R$ 1 bi. … Continuar lendo

O apito e a fumaça

Em 2011, o governo do Pará instituiu a taxa de controle, monitoramento e fiscalização das atividades de pesquisa, lavra e exploração e aproveitamento dos recursos minerários do Estado. Em nove anos, a uma média de 550 milhões de reais ao ano, atualizados, colocou nos seus cofres públicos (e em suas extensões) R$ 5 bilhões. Com … Continuar lendo

O futuro da maior mineradora de bauxita

A primeira viagem de José Sarney, o primeiro presidente da república após a redemocratização do Brasil, em 1985, foi a uma mina de bauxita distante mil quilômetros do litoral do Pará. Ele foi ver a primeira exploração empresarial dos recursos minerais da Amazônia no novo ciclo de ocupação da região, que transformou o Pará no … Continuar lendo

O governo e as empresas do ouro

O governo do Pará assinou um protocolo de intenções com seis empresas de mineração, três delas já instaladas no Estado, para a implantação de uma refinaria de ouro. O objetivo é “estabelecer as premissas e entendimentos entre o Poder Público e a iniciativa privada, visando criar condições que viabilizem, de forma objetiva e transparente, a … Continuar lendo

O Pará na mineração

Das quatro notícias mais importantes da semana publicadas pelo site especializado Notícias de Mineração Brasil, duas estão relacionadas diretamente ao Pará e as outras duas indiretamente. As notícias de acontecimentos no Pará são as seguintes: – Horizonte Minerals nomeia executivo com foco em projetos de níquel no BrasilA Horizonte Minerals anunciou a nomeação de Michael … Continuar lendo

Memória – O alumínio

Anúncio da CBA do grupo Ermírio de Moraes, de janeiro de 1964, 20 anos antes de entrar em funcionamento a primeira indústria de alumínio no Pará, a Albrás, em Barcarena, a 50 quilômetros de Belém. A Albrás, agora controlada pela norueguesa Norsk Hydro, em associação com um consórcio japonês, produz 445 mil toneladas de lingotes … Continuar lendo