//
Arquivos

Polícia

Esta categoria contém 75 posts

Menos grito, mais trabalho

A mais importante e mais grave notícia do dia não se originou nas manifestações de protesto realizadas hoje em todo país contra as reformas trabalhista e da previdência social. Foi o crescimento do desemprego no Brasil, medido pelos órgãos oficiais. A fila dos excluídos da economia chegou a 14,2 milhões de cidadãos, taxa de 13,7%. … Continuar lendo

A história na chapa quente (112)

O “caso Basa” (Artigo publicado no Jornal Pessoal 296, de janeiro de 2003) Em 1987 o Banco da Amazônia concedeu empréstimos fraudulentos à Companhia Fábrica de Papel Petrópolis. Quinze anos depois, no mês passado, o Tribunal de Contas concluiu que o principal responsável pelas irregularidades é o então diretor de crédito geral e presidente interino … Continuar lendo

A denúncia contra Gueiros Neto

Para o promotor Eduardo Cardoso de Souza, no exercício da promotoria do tribunal do júri, Hélio Gueiros Neto matou a sua esposa, Renata Cardim Lima por asfixia mecânica por sufocação direta. Daí denunciá-lo, no dia 19, ao juiz da 1ª vara do juizado da violência doméstica de Belém. O enquadramento foi no crime de feminicídio, … Continuar lendo

Caso Gueiros: pai defende filho

Sob o título “Sem Filtro”, Hélio Gueiros Júnior divulgou pelas redes sociais uma carta aberta dirigida ao promotor Edson Cardoso de Souza, que denunciou Hélio Gueiros como autor do assassinato da própria esposa, Renata Cardim. O pai sustenta a inocência do filho e ataca as provas usadas para levá-lo à justiça como fraudadas. Contra elas, … Continuar lendo

Gueiros Neto denunciado

O advogado Hélio Gueiros Neto foi denunciado, hoje, pelo ministério público do Estado, segundo revelou o portal G1Pará, de O Liberal/O Globo. O promotor Edson Cardoso de Souza o acusa de matar por asfixia mecânica com sufocação sua esposa, Renata Cardim, em 2015. O denunciado é neto do ex-governador e ex-senador Hélio Gueiros.   Renata … Continuar lendo

A história na chapa quente (104)

Maria morreu na beira (Artigo publicado no Jornal Pessoal 294, de novembro de 2002) Depois de ter estado tão longe do eixo da disputa para o governo do Pará, a deputada estadual Maria do Carmo Martins Lima, de 39 anos, tinha motivos para se considerar satisfeita com o resultado da votação do 2º turno da … Continuar lendo

A guerra nas ruas

Em 2014 foram assassinados 24 policiais. Em 2015, 29. No ano passado, só da Polícia Militar, foram 26 baixas. Nos primeiros quatro meses deste ano, até ontem, foram 15. Mantida essa média, as mortes na PM somarão quase 50, o dobro em relação a três anos. Sem incluir os demais policiais. Ontem, o sargento Edson … Continuar lendo

Morta senhorita Andreza

Andreza Ariani Castro, que ficou conhecida como senhorita Andreza,foi baleada por dois homens, que a perseguiram numa motocicleta. Ela tentou fugir, mas foi alcançada, baleada com cinco tiros na cabeça e nas costas e morreu, agora à noite, no bairro da Cabanagem. A polícia está fazendo o levantamento do local. Ainda não se tem maiores … Continuar lendo

A história na chapa quente (98)

Denúncia retardada (Artigo publicado no Jornal Pessoal 292, de outubro de 2002) O Liberal poderia ter divulgado, com pelo menos uma semana de antecedência, a denúncia feita pelo Diário do Pará no último domingo: de que a Polícia Federal abriu inquérito para apurar fraude provavelmente praticada contra a Receita Federal pela Engeplan. A Engenharia e … Continuar lendo

O povo, esse detalhe

Augusto das Chagas Ferreira Júnior tem 33 anos. Não é casado formalmente, mas tem dois filhos – um menino de cinco anos e uma menina de nove – de uma relação estável e duradoura. Mora no Barreiro, um dos bairros pobres de Belém, com fama de ser violento. Augusto está desempregado. Sobrevive como mototaxista. É … Continuar lendo