//
Arquivos

Queimadas

Esta categoria contém 23 posts

O futuro da região e do jornalismo

A jornalista Eliana Lucena, com que trabalhei em O Estado de S. Paulo, reproduziu em seu Facebook a entrevista que Cristina Serra fez comigo, publicada no site Amazônia Real (e a íntegra, no Jornal Pessoal). Suponho não atravessar o limite da vaidade do orgulho em reproduzir a entrevista, o comentário de Eliana (baseada em Brasília) … Continuar lendo

O fim – ao fim

Em outubro, foi registrada a menor quantidade de queimadas para esse mês desde o início da série histórica, em 1998. O satélite monitorado pelo Inpe (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais) detectou 7.855 focos de fogo na região. Foi uma redução de 26,2% em relação ao mesmo período do ano passado. Até então, o outubro com … Continuar lendo

JP (10)- Cartas

(Publicado no Jornal Pessoal 235, de junho de 2000) Floresta Senhor Lúcio Flávio Sempre leio as duas publicações de sua autoria, o Jornal Pessoal e a Questão [Agenda] Amazônica. Admiro seu trabalho, que se caracteriza pela imparcialidade e o compromisso com a verdade, levantando questões das mais relevantes para o nosso Estado. Infelizmente, no último … Continuar lendo

JP (4) Só retórica

(Publicado no Jornal Pessoal 235, de maio de 2000) A Amazônia não é prioridade nacional. Esta verdade contraria a retórica dos discursos e das mensagens publicitárias. Mas ficou mais uma vez evidenciada  pela polêmica desencadeada em torno da reforma do Código Florestal. O eixo do combate, travado (para efeito de simplificação) entre “preservacionistas” e “desenvolvimentistas”, … Continuar lendo

O rei nu

Em 1972, o mundo se reuniu pela primeira vez em conjunto para discutir sobre a relação entre o desenvolvimento e o meio ambiente. O local da conferência não poderia ser mais indicado do que Estocolmo, a capital da Suécia, padrão da qualidade de vida no planeta. Um dos temas centrais era a Amazônia, de volta … Continuar lendo

Quem sabe da Amazônia?

O ciclo da borracha, chamado de “belle époque”, porque a Amazônia era a única fornecedora mundial do produto e foi a segunda maior exportadora do Brasil, durou menos de 50 anos, entre 1870 e 1912. Até hoje, esse período é considerado o mais importante da história da região, a ponto de merecer citações nos compêndios … Continuar lendo

Tragédia e farsa

Na hora de fazer a reforma, o Brasil concilia, reclamava o grande historiador José Honório Rodrigues, um intelectual de centro. Nos nossos dias é pior ainda do que nos dele (1913-1987). Atualmente, se negocia, acerta-se, paga-se propina e faz-se de conta. A simulação pende entre a estultice e o cinismo. Quem se deixa levar pelas … Continuar lendo

Ratazanas e cupins na floresta

Geraldo Daniel de Oliveira e seu irmão, José Brasil de Oliveira, são os donos da fazenda Ouro Verde, em São Félix do Xingu, administrada por João Batista Rodrigues Jaime, genro de José. O imóvel fica no interior da Área de Proteção Ambiental Triunfo do Xingu, instituída pelo Estado do Pará. Os três tiveram sua prisão … Continuar lendo

Nova devastação (não tão nova)

A prova mais angustiante e grave de que os desmatamentos e queimadas estão avançando por áreas até então ainda intocadas da floresta nativa da Amazônia está registrada na matéria divulgada agora. a partir de informações do jornal O Estado de S. Paulo. Podem ser criminosos (e devem ser mesmo) os incêndios desencadeados no sul do … Continuar lendo

A selva arde

Lá do alto, de um satélite. a Itália acaba de descobrir que a Amazônia existe, acabando. O astronauta italiano não resistiu. Poderia repetir, com Dante Alighieri, que a selva selvaggia, aspra e forte, está se enfraquecendo. “A floresta continua queimando”, diz astronauta italiano postando fotos do espaço ​ Luca Parmitano. Foto: Reprodução/Twitter Do astronauta Luca Parmitano … Continuar lendo