//
Arquivos

Segurança nacional

Esta categoria contém 12 posts

A Amazônia que era para ser e não foi

Este é o terceiro artigo da série em que volto à Amazônia do final dos anos 1950, quando houve uma interrupção da sua continuidade histórica e a região ingressou em uma nova etapa, definitiva e irremediável, a partir de uma intervenção externa que mudou completamente a sua configuração. _________________________________ Os 30 participantes do XVIII Congresso … Continuar lendo

A história interrompida

Prossigo a série de artigos, iniciada na semana passada (A paixão amazônica), com os quais espero fazer uma reflexão crítica de um passado ainda recente, mas já considerado irremediável pelos que se apossaram da Amazônia, nacionais ou estrangeiros. ________________________ Em 1956, o Brasil sediou o 18º Congresso Internacional de Geografia. Uma das excursões de campo … Continuar lendo

A paixão amazônica

As necessidades de guerra fizeram o mundo voltar à Amazônia na metade da década de 1940. Desta vez, tanto para se suprir de borracha, cujo acesso fora bloqueado no Oriente pelo ingresso do Japão na Segunda Guerra Mundial, quanto para estabelecer na região amazônica uma base definitiva de ação. Não foram apenas os estrangeiros, entretanto, … Continuar lendo

SNI: um monstro na Amazônia

(Artigo publicado em 2019) Não houve nenhum outro órgão de inteligência tão poderoso quanto o SNI. Criado logo depois da deposição do presidente João Goulart pelo golpe militar de 1964, o Serviço Nacional de Informações bisbilhotava os cidadãos, perseguia os inimigos ou mesmo os desafetos da ditadura, era o crivo de seleção para o ingresso … Continuar lendo

Curió: herói da ditadura

(Artigo publicado em 2019) Para o regime militar, iniciado em 1964 e encerrado em 1985, Sebastião Rodrigues de Moura é um herói. Ele conseguiu acabar com um foco guerrilheiro montado pelo Partido Comunista do Brasil há exatamente 50 anos, quando era intenso o combate à ditadura, através da luta armada, urbana e rural, pela extrema … Continuar lendo

A colônia no lugar do paraíso

A pergunta vai e volta, conforme o movimento cíclico da maré de interesse sobre a região: há vida inteligente na Amazônia? Hoje, o questionamento é mais simbólico e metafórico. Mas já foi concreto e real – e essa dúvida não é remota. Sob cuidados e manipulações, persiste. A partir de 1966, os militares, desde dois … Continuar lendo

O fim de um gênio (do mal?)

(Artigo publicado em 2005 Evandro de Oliveira Bastos morreu em Brasília, no dia 7 de novembro [de 2005], aos 73 anos, de falência múltipla dos órgãos, em consequência de um câncer de próstata. Seu corpo foi enterrado no dia seguinte, no cemitério Campo da Esperança. Passado mais de um mês da sua morte, a imprensa … Continuar lendo

A “desindustrialização” da Amazônia

A Amazônia é deles

Tatiana Dias (Editora Sênior) / Rafael Moro Martins (Editor Contribuinte Sênior) / The Intercept Brasil O cruel assassinato de Bruno Araújo Pereira e Dom Phillips, temido desde o desaparecimento deles no Vale do Javari e confirmado na quarta passada, é uma consequência direta do projeto dos militares brasileiros – particularmente os do Exército – para … Continuar lendo

“Gringo”: livro 42 anos depois

Texto de Rogério Almeida Os anos de 1980 são considerados os mais letais na luta pela terra no Pará. Sequestro, tortura, assassinados e chacinas faziam parte da Doutrina de Segurança Nacional do Estado, onde a coerção pública e privada imperavam contra os posseiros e seus aliados.  Raimundo Ferreira Lima, mais conhecido como “Gringo” foi executado … Continuar lendo