//
Arquivos

Segurança pública

Esta categoria contém 181 posts

Acre: mais presos no mundo

Há 11 anos, o Acre tem, proporcionalmente, a maior população carcerária do mundo. No ano passado havia 927 detentos para cada 100 mil habitantes no Estado. Em 2018, essa proporção era de 897 para cada um desses grupos. A média do Brasil, que conseguiu melhorar a situação e agora possui a 26ª maior população carcerária … Continuar lendo

A cocaína e a imprensa

Os órgãos de segurança pública do Pará apreenderam e incineraram de uma só vez 2,3 toneladas de cocaína, no dia 20, quinta-feira. A façanha, de importância histórica, levou representantes de todos os setores a comparecerem à queima da droga em sete fornos de uma cerâmica em Santa Izabel. Cada um falou da sua parte na … Continuar lendo

A arma do crime

Há um novo fato na assustadora criminalidade na grande Belém: a bala perdida. Costuma-se associar esse acontecimento ao Rio de Janeiro, cheio de morros habitados pela população mais pobre ou mais discriminada, nas favelas, dominadas por quadrilhas do tráfico de drogas e outros delitos. É um tiroteio travado a partir de cima por integrantes dessas … Continuar lendo

Pretextos para a violência

A a mando do governador do Estado A mando do governador do Estado, a Polícia Militar de São Paulo iniciou a apuração “rigorosa” da responsabilidade dos seis militares que deram origem à tragédia de Paraisópolis, com nove mortos . A corregedoria da corporação começou as investigações aceitando a versão dos policiais, de que atacaram a … Continuar lendo

A Vale na segurança pública

No dia 21, o governo do Pará assinou dois acordos de cooperação na área de segurança pública com a maior empresa privada em atuação no Estado e a maior do país, a mineradora Vale. O objetivo declarado é “intensificar as ações articuladas e integradas de políticas públicas, defesa social e valorização da cidadania no Estado”. … Continuar lendo

A duração da segurança

No dia 30 de agosto, 140 agentes da Força-Tarefa de Intervenção Penitenciária chegaram a Ananindeua, o município da Amazônia escolhido pelo Ministério da Justiça e da Segurança Pública para integrar o projeto Em Frente Brasil. Integrados a forças policiais estaduais e municipais, iriam intensificar a ação contra a violência em cinco cidades das mais violentas … Continuar lendo

O combate à violência

Os sete bairros mais violentos da Grande Belém, segundo o governo do Estado, são o Guamá, Jurunas, Cabanagem, Terra Firme, Benguí, Marituba (especialmente o bairro da Nova União) e Ananindeua (Icuí Guajará). Dentre os municípios, Parauapebas e Canaã dos Carajás, que abrigam as maiores minas do Estado. O governo, por isso, decidiu assinar um termo … Continuar lendo

Bala para todos

Alessandro Soares dos Santos, de 25 anos, comerciante, e Leonis Costa Soares, de 44, motorista de ônibus, não tinham antecedentes criminais. Eram trabalhadores, segundo os amigos. Foram mortos com quase 20 tiros quando jogavam bilhar num bar no bairro de Val-de-Cans, sábado à noite. Quatro homens, que desceram de um carro de acor prata fizeram … Continuar lendo

Morre-se também no Reduto

O Reduto é um bairro tranquilo, no centro de Belém. Aos domingos, especialmente à tarde, se tornava um deserto de gente nas ruas, excepcionalmente silencioso e pacífico. Era, não é mais. A violência, que engole agressivamente toda a capital dos paraenses e a sua região metropolitana, uma das mais violentas concentrações urbanas do planeta, onde … Continuar lendo

Solto bando de Pé de Boto

Ailson Santa Maria do Amaral, de 41 anos, foi eleito em 2012 prefeito de Igarapé-Miri, município com 60 mil habitantes. De 2012 a 2014, liderou um grupo de bandidos que assolou a região. Foi denunciado pelo Ministério Público do Estado por participação em organização criminosa; obstrução ou embaraço no curso de investigação (três vezes); homicídio … Continuar lendo