//
Arquivos

Terras

Esta categoria contém 161 posts

No coração da Amazônia

A aula magna de jornalismo de Lúcio Flávio Pinto Por Gabriel Ferreira Publicado no site Amazônia Real Manaus (AM) – O jornalista e escritor Lúcio Flávio Pinto, um dos mais combativos profissionais da imprensa brasileira, não titubeia quando perguntado sobre como vê a violência na atual ocupação amazônica: “A desvalorização da vida é uma das coisas mais … Continuar lendo

Terras

O Iterpa continua a vender terras do Estado por requerimento dos interessados. Dos 11 processos de regularização fundiária reunidos no mesmo edital, 5 são deste ano mesmo. As áreas não são extensas. No total, menos de dois mil hectares. Mas das terras requeridas, quatro se situam em Marabá e três em Parauaebas, muito valorizadas,

O destino das terras

Em 2016, o Iterpa arrecadou, pelo processo sumário, a área de terras denominada Gleba Apeí, localizada no município de Moju, com área de 86.452 hectares, devidamente matriculada no cartório de registro de Imóveis da comarca. Posteriormente foram efetuados “ajustes técnicos feitos, a fim de delimitar acidentes geográficos bem definidos, além de atender a regularização fundiária … Continuar lendo

Mais terras à venda

No ano passado, Francisco Donizeti Boldrin Junior requereu ao Iterpa, por compra, juntamente com outra pessoa, a fazenda Monte Alto, com 855 hectares, no disputadíssimo município de São Félix do Xingu, no sul do Pará. Outro Boldrin, Reinaldo, com outras pessoas, requereu a fazenda Beira Rio, com 1.111 hectares, no mesmo município, que tem o … Continuar lendo

A luta pela terra na Amazônia

Por Rogério Henrique de Almeida Raimundo Ferreira Lima, mais conhecido como “Gringo” foi executado por pistoleiros em maio de 1980, em São Geraldo do Araguaia, sudeste paraense. O militante somava apenas 43 anos. Além de sindicalista em Conceição do Araguaia, Lima era agente da Comissão Pastoral da Terra (CPT).  Gringo foi o primeiro dirigente sindical assassinado na … Continuar lendo

Alienação de terras paraenses

O Iterpa anuncia hoje que está finalizando 16 processos de venda de terras do Estado, requeridas por compra pelos próprios interessados, dos quais 9 se localizam em Juruti. O interesse pelas terras no município cresceu (junto com o seu valor) a partir da implantação da mineração de bauxita da Alcoa. A maior das glebas, com … Continuar lendo

O roteiro da destruição de 1 milhão de haectares

Em 1981 foi divulgado o primeiro relatório de pesquisa do Programa de Monitoramento da Cobertura Florestal do Brasil, realizado em conjunto pela Sudam (Superintendência do Desenvolvimento da Amazônia) e o IBDF (Instituto Brasileiro do Desenvolvimento Florestal, antecessor do Ibama). O levantamento tomou por base imagens do satélite americano Landsat, que cobria toda a Amazônia a … Continuar lendo

Sumidouro fundiário

O Iterpa tornou público por edital, publicado hoje, “procedimento para realização de permuta envolvendo título do ‘Projeto Integrado Trairão’ por área de terra do Estado, com as seguintes especificações”. Seguem-se as especificações não da área de terras do Estado, como pareceria lógico, mas do dono de um dos lotes do Trairão a ser permutado, de … Continuar lendo

Terras

Foi em São Miguel do Guamá que o Iterpa fez a sua maior arrecadação de terras presumidamente devolutas, pelo método sumário. Foram 20.625 hectares da gleba Crauateua, após a exclusão de 25 ha da gleba Sítio Progresso e 188 ha da Gleba Paricá – Área 2, imóveis que estavam matriculados no registro de imóveis, onde … Continuar lendo

Pergunta

Boa parte dos requerimentos de compra e a arrecadação de terras pelo Iterpa ocorre no município de Prainha, que até algum tempo atrás não era tão atrativo. Por que será?