//
Arquivos

Cultura

Esta categoria contém 337 posts

A história na chapa quente (nova série – 1)

A Amazônia na visão de seus intelectuais (Publicado no Jornal Pessoal 349, de julho de 2005) Magali Franco Bueno – Departamento de Geografia – USP Este trabalho faz parte da tese de doutorado em Geografia que está sendo desenvolvida no Programa de Pós-Graduação em Geografia Humana do Departamento de Geografia da Faculdade de Filosofia e … Continuar lendo

A farra do cachê

Prossegue a farra do cachê artístico, pago diretamente a pessoas ou grupos artísticos, sem exigência de licitação pública, graças às emendas parlamentares. Nem o anúncio de que o Ministério Público do Estado promove o levantamento desse negócio inibiu a iniciativa dos deputados, à qual dá execução a Fundação Cultural do Pará. Alguns dos pagamentos: *R$ … Continuar lendo

E se o golpe fosse vermelho?

“Imagine-se a situação: uma articulação nacional de professores anuncia que promoverá ‘cursos’ como, por exemplo, ‘O golpe vermelho no Brasil’. Com um só tipo de bibliografia, uma só orientação, etc. Por que isso não pode acontecer em algum momento? E o que diríamos a respeito?”. Foi a provocação que me fez um amigo ao reproduzir … Continuar lendo

Inteligência presente

Finalmente, no dia 29, Dienny Estefhani Magalhães Barbosa Riker vai poder defender sua dissertação de mestrado, O Bem Humano Básico do Casamento na Nova Teoria da Lei Natural: Razão Prática, Bem Comum e Direito, dentro do Programa de Pós-Graduação em Direito da Universidade Federal do Pará. A primeira tentativa se frustrou por causa de uma … Continuar lendo

O artigo censurado

Publico o artigo de Paloma Franca Amorim censurado em O Liberal. Necrópole Cheguei e achei tudo muito ressecado de gente. A Luahzinha falou: bem vinda a Belém novamente, Paloma, a Necrópole da Amazônia. A gente riu de nervoso no carro enquanto procurava algum lugar para comer porque eu estava totalmente brocada de fome depois de … Continuar lendo

Censura em O Liberal

Os cinco irmãos Maiorana que assumiram o controle do grupo Liberal de comunicação, em setembro do ano passado, afastando Romulo Maiorana Júnior, que conduziu autoritariamente a empresa durante 31 anos, apregoam que querem fazer jornalismo sério, independente e honesto. Mas não se faz esse tipo de jornalismo sem respeitar a diversidade e a pluralidade de … Continuar lendo

A última cesta de Nelson Maués

Felizmente, personagens orais da nossa história cotidiana, mais para as estórias de Guimarães Rosa do que para uma história engravatada, estão deixando de ser apenas orais: começam a escrever. Mais relevante ainda: escrevem sobre histórias que raramente têm passado da condição de estórias. Não sobre o futebol, a paixão nacional, mas sobre o basquetebol. Como … Continuar lendo

Ah, o bom combate!

Ingressei no jornalismo profissional, em A Província do Pará, em 1966. Tinha então 16 anos e cursava o 2º ano do curso clássico (o ensino médio de hoje, mal comparando) no CEPC, o ainda glorioso Colégio Estadual Paes de Carvalho. presentemente arruinado. No ano seguinte fiz vestibular. Não para jornalismo. Já estava convencido de que … Continuar lendo

Cachê artístico

Em março deste ano,  Kleber Tayrone dividiu, com mais três artistas, os 50 mil reais (mais de 12 mil per capita), pela apresentaçãoo no projeto Som de Sábado, em Belém. O pagamento foi efetuado pela Fundação Cultural do Pará, vinculada à Secretaria de Cultura do Estado, cumprindo emenda parlamentar para o pagamento de cachê artístico. … Continuar lendo

Marx, 200 anos

Trier, no vale do rio Reno, é considerada a mais antiga cidade alemã, com sua imponente porta negra, obra do imenso império romano. Se fosse só por isso, eu não teria ido até ela, em 1990. Foi , sobretudo,por querer ver a casa onde Karl Marx nasceu e viveu até os 17 anos. Na casa … Continuar lendo