//
você está lendo...
Imprensa

Diário em mudança

Jader Filho disse ao Portal dos Jornalistas, editado em São Paulo, que a contratação de Klester Cavalcanti para ser o gerente de redação do Diário do Pará faz parte de um amplo pacote de mudanças para que o jornal se ajuste aos novos tempos, cujo conteúdo disse ainda não poder revelar.

“Embora os impressos aqui ainda tenham relevância, grandes tiragens e publicidade, precisamos nos preparar para a transição, não podemos esperar a água bater no nariz. Para isso, estamos começando a tomar uma série de medidas, que ainda não posso divulgar. A vinda do Klester faz parte desse pacote. Ele veio bem recomendado, tem um perfil que considero adequado, já viveu aqui e conhece a realidade local. Chega com a missão de oxigenar os nossos processos, trazer novas ideias e formar pessoal”.

O principal executivo do Diário assegurou que não se preocupa com alguma eventual resistência pelo fato de o substituto do paraense Gerson Nogueira, que ocupava o extinto cargo de diretor de redação, ser de fora do Estado: “Não podemos ficar isolados. Esse intercâmbio vai ser muito bom para nós. Além do mais, vou acompanhar bem de perto o processo. Ainda que eu seja presidente da empresa, gosto do ofício, estou sempre junto da Redação”. Klester vai comandar uma equipe que tem perto de 70 profissionais, acrescentou o Portal dos Jornalistas.

Jader Filho podia aproveitar para explicar para os leitores do seu jornal por que a empresa decidiu substituir o cargo de diretor pelo de gerente da redação. E se a importação de um jornalista de conceito nacional, por um valor certamente superior ao do mercado local, será complementada pela melhoria das remunerações e das condições de trabalho na redação do jornal.

Seria também a oportunidade para revelar qual é a circulação do Diário. Os editores do portal lhe atribuíram a circulação de 32 a 35 mil exemplares durante a semana e 40 mil aos domingos. Mas até hoje o jornal não divulgou as estatísticas produzidas pelo IVC, ao qual se filiou quando da saída do concorrente, O Liberal.

CORREÇÃO – Errei. Mas fui induzido a erro pelo próprio Diário. O jornal deu ao seu novo chefe o cargo de gerente da redação, ao mudar o expediente, com a saída de Gerson Nogueira da direção da redação. Mas voltou atrás e restabeleceu o cargo anterior para Klester Cavalcanti. que, no entanto, não participa do Conselho Editorial. Foi um lapso ou uma mudança mesmo?

Discussão

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: